Artigos

Entrega dos Prémios do Concurso Bolsas+ na UBI

A Universidade da Beira Interior (UBI) recebe esta terça-feira, dia 3 de julho, o Pitch Final e entrega de Prémios do Concurso Bolsas+. O evento tem lugar na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas (Anfiteatro 7.20), a partir das 9h30.

Na Sessão de Abertura estarão Mário Raposo (Vice-Reitor da UBI), Helena Alves (Presidente da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da UBI) e António Ruas (1.º Secretário Executivo da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIM-BSE) e Representante do consórcio do Projeto “Empreender e Crescer nas Beiras”. A assistência ao evento é gratuita, mas sujeita a inscrição em rebse@empreenderecrescer.pt (até 2 de julho).

O Bolsas+ é um concurso de novas ideias de negócio promovido pela Rede de Empreendedorismo das Beiras e Serra da Estrela, composta pelos municípios que constituem a Comunidade Intermunicipal Beiras e Serra da Estrela, Núcleo Empresarial da Região da Guarda, UBI e Instituto Politécnico da Guarda.

Final Regional do Concurso Regional de Ideias de Negócio nas Escolas na UBI

O Concurso Regional de Ideias de Negócio nas Escolas terá este ano a sua final regional no território da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIMBSE). Esta iniciativa é da tutela da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC) e decorre em estreita colaboração com as Comunidades Intermunicipais (CIM) da Região Centro. Neste sentido, visa a divulgação, estímulo e implementação da cultura empreendedora na Região Centro, junto da comunidade escolar.

Este ano, a final regional, que pretende ser um momento marcante, com a atribuição do título “Aluno Empreendedor da Região Centro 2018”, decorrerá no território da CIMBSE, realizando-se amanhã, dia 7 de junho, na Universidade da Beira Interior (Faculdade de Engenharia), a partir das 14h30.

O objetivo do concurso é sensibilizar e motivar os jovens para a inovação e o empreendedorismo, promovendo a iniciativa e o dinamismo nas comunidades em que se inserem.

Podem ser apresentadas ideias de negócio de qualquer área de atividade, devendo obedecer às seguintes características: “úteis e exequíveis; inovadoras, podendo dar origem ao aparecimento de um novo produto ou serviço; consolidadas; originais (concebidas pelos candidatos) e economicamente vantajosas, apresentando potencial competitivo”.

Cada uma das oito comunidades intermunicipais, da Região Centro, poderá apresentar a concurso uma ideia de negócio, por si selecionada, concebida e apresentada pelos próprios alunos.

Programa
14:30 – Boas vindas
14:45 – Apresentação das ideias de negócio
15:30 – Testemunho de empreendedor
15:45 – Momento de entretenimento
16:00 – Apresentação das ideias de negócio
16:45 – Lanche
17:15 – Entrega dos prémios
17:30 – Encerramento

Entrada livre, mediante inscrição AQUI.

Durante a manhã haverá um conjunto de atividades para os alunos finalistas e para os colegas de turma que os queiram acompanhar (e que serão maioritariamente provenientes dos ensinos secundário e profissional), com o objetivo de dar a conhecer a Universidade em que o evento vai decorrer.

 

Sessão sobre Estratégia de Adaptação às Alterações Climáticas na UBI

A Comunidade Intermunicipal Beiras e Serra da Estrela (CIMBSE) promove hoje uma sessão de stakeholders sobre “Estratégias de adaptação às alterações Climáticas”, na Universidade da Beira Interior, na Covilhã.

O programa começa às 9h30 e pretende apresentar o projeto e os grupos de trabalho; fazer uma análise, seguindo-se uma seleção e priorização das medidas e, por fim, um debate sobre as conclusões e medidas a serem tomadas no imediato.

As Estratégias de Adaptação às Alterações Climáticas (EAAC) da Região das Beiras e Serra da Estrela encontram-se estruturadas sob quatro objetivos principais, nomeadamente, Informar; Reduzir a vulnerabilidade e aumentar a capacidade de resposta; Participar, sensibilizar e divulgar, e ainda, Cooperar a nível Internacional.

A região das Beiras e Serra da Estrela regista altas temperaturas e baixa precipitação durante os meses de Verão, sendo particularmente vulnerável à escassez de água. Nesse sentido, a região pretende melhorar a sua resposta a esta e outras preocupações, sendo uma das apostas a melhoria do ambiente, garantindo atratividade e sustentabilidade.

A região está igualmente atenta às questões relacionadas com as alterações da biodiversidade, no património ambiental e natural, que facilita o aumento da ocorrência de incêndios com consequência potencialmente graves e em diversos setores. Neste sentido, no âmbito do desenvolvimento EAAC-BSE é importante compreender melhor quais as principais causas climáticas, atuais e futuras.

A adaptação às alterações climáticas é um desafio transversal, que requer o envolvimento de todos, numa abordagem integrada.

Este evento está ainda integrado na iniciativa “Energy Days”, promovida pela União Europeia, e visa promover, discutir e celebrar a eficiência energética e as energias renováveis.

Sessões sobre Estratégia de Adaptação às Alterações Climáticas na CIMBSE

A Comunidade Intermunicipal Beiras e Serra da Estrela (CIMBSE) promove duas sessões de stakeholders sobre “Estratégias de adaptação às alterações Climáticas”, uma está marcada para dia 29 de maio, no Instituto Politécnico da Guarda, na Guarda, e a outra, para dia 5 de junho, na Universidade da Beira Interior, na Covilhã.

O programa começa às 9h30 e pretende apresentar o projeto e os grupos de trabalho; fazer uma análise, seguindo-se uma seleção e priorização das medidas e, por fim, um debate sobre as conclusões e medidas a serem tomadas no imediato.

As Estratégias de Adaptação às Alterações Climáticas (EAAC) da Região das Beiras e Serra da Estrela encontram-se estruturadas sob quatro objetivos principais, nomeadamente, Informar; Reduzir a vulnerabilidade e aumentar a capacidade de resposta; Participar, sensibilizar e divulgar, e ainda, Cooperar a nível Internacional.

A região das Beiras e Serra da Estrela regista altas temperaturas e baixa precipitação durante os meses de Verão, sendo particularmente vulnerável à escassez de água. Nesse sentido, a região pretende melhorar a sua resposta a esta e outras preocupações, sendo uma das apostas a melhoria do ambiente, garantindo atratividade e sustentabilidade.

A região está igualmente atenta às questões relacionadas com as alterações da biodiversidade, no património ambiental e natural, que facilita o aumento da ocorrência de incêndios com consequência potencialmente graves e em diversos setores. Neste sentido, no âmbito do desenvolvimento EAAC-BSE é importante compreender melhor quais as principais causas climáticas, atuais e futuras.

A adaptação às alterações climáticas é um desafio transversal, que requer o envolvimento de todos, numa abordagem integrada.

Este evento está ainda integrado na iniciativa “Energy Days”, promovida pela União Europeia, e visa promover, discutir e celebrar a eficiência energética e as energias renováveis.